“Caso Eloá”: veja como está Nayara, amiga de Eloá

0
4376

Em uma época que não se usava o termo feminicídio, um fato chamou a atenção de todo o Brasil. “O caso Eloá” ocorreu em 2008, mas até hoje, 10 anos depois muitos brasileiros ainda se lembram bem de tudo e para aqueles que têm a curiosidade de saber como está a amiga de Eloá Cristina Pimentel, veja a seguir. Nayara Silva, também foi uma vítima do namorado de Eloá.

É fato que no ano de 2008 o Brasil ficou a flor da pela com o drama vivido por Eloá, o caso teve uma enorme repercussão na mídia, praticamente todos os canais de TV mostraram o caso das duas amigas que sofreram nas mãos de Lindemberg Alves Fernandes. O povo brasileiro ficou mexido com a situação delas e desejavam que tudo acabasse bem, mas não foi assim que acabou e Eloá acabou morta por Lindemberg seu próprio namorado.
No ano de 2016 Nayara declarou que Lindemberg queria matar sua amiga desde o primeiro dia do sequestro que durou cinco dias. Nayara foi a pessoa que teve contato com Eloá nesse período de cinco dias, ela esteve no local usado como cativeiro por duas vezes, mas não conseguiu salvar sua amiga.

Em depoimento ela disse que não conseguiu ir novamente à escola onde as duas estudaram juntas e ela tem receio do que pode acontecer depois que o responsável pela morte de sua amiga sair da cadeia. Nayara fez questão de afirmar que nunca vai perdoa-lo pelo crime. No episódio Nayara ficou ferida, foi atingida por um disparo na boca, perdeu um dente e foi necessário passar por uma cirurgia para reconstruir a parte óssea. Veja abaixo uma foto de como Nayara está atualmente.

Nayara na chagada para o julgamento de Lindemberg

A prisão de Lindemberg

A defesa do culpado tentou e conseguiu diminuir a pena de noventa e oito anos para trinta e nove, atualmente ele cumpre o regime fechado na Penitenciária II de Tremembé, que fica no interior de São Paulo. E ele tem um trabalho, na montagem de peças de box para banheiros, frequenta cultos religiosos e “bate” uma bola.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here